Como plantar couve

Couve
Couve - imagem original: Derek Markham - Licença Creative Commons

Brassica oleracea Grupos Acephala ou Brassica oleracea variedade acephala

Brassica oleracea Grupo Costata ou Brassica oleracea variedade costata

As couves são plantas da mesma espécie que o repolho, a couve-flor e o brócolis. As couves não formam cabeças compactas de folhas como os repolhos, e sim folhas livres. Há cultivares com folhas de diversas formas e cores, podendo ser crespas ou lisas, largas ou estreitas, verde-escuras, verde-claras, roxas, rosadas, brancas ou esbranquiçadas. Algumas cultivares de couve, conhecidas como couves-ornamentais ou repolhos-ornamentais, são muito apreciados como plantas de jardim e para decoração de mesas, devido as cores e padrões de suas folhas. Alguns outros tipos de couve que são cultivadas para consumo humano ou de animais são as couves-manteiga ou couves-galegas, as couves-tronchudas ou couves-portuguesas, as couves-crespas, as couves-forrageiras e as couves-palmeira.

As folhas da couve são normalmente consumidas cozidas ou refogadas, mas também podem ser consumidas cruas, especialmente se forem as folhas mais jovens, embora algumas pessoas considerem que as folhas cruas são indigestas. As folhas são muito nutritivas e contêm glicosinolatos que são convertidos em sulforafano quando cortadas ou picadas, sendo esta uma substância que pode prevenir o surgimento de cânceres.

Couve
A couve prefere clima ameno e alta luminosidade - Huerta Agroecológica Comunitaria "Cantarranas" - Licença Creative Commons

Clima

A couve é uma hortaliça que cresce melhor em clima ameno ou frio, sendo que algumas cultivares podem sobreviver mesmo quando a temperatura chega a -10°C se as plantas já estão bem desenvolvidas. Algumas cultivares de couve toleram altas temperaturas, mas a couve é cultivada normalmente durante o outono e o inverno em regiões de clima mais quente. Durante períodos de calor a couve reduz seu crescimento e a qualidade das folhas produzidas é pior, tanto em tamanho e aparência, quanto em sabor. Em regiões de clima ameno a couve pode ser cultivada durante o ano todo, embora não sejam semeadas durante o inverno em locais onde este é rigoroso.

Luminosidade

Cultive em condições de alta luminosidade, com sol direto. Nas estações mais quentes do ano, prover sombra parcial nas horas mais quentes do dia pode ser benéfico para as plantas.

Couve Nero di Toscana
Couve 'Nero di Toscana' - imagem original: Tuscanycious - Licença Creative Commons

Solo

O solo deve reter bem a umidade mas deve ser bem drenado, ser fértil, com boa disponibilidade de nitrogênio e rico em matéria orgânica. O pH do solo deve estar entre 6 e 7,5.

Irrigação

O solo deve ser mantido sempre úmido, mas sem que fique encharcado, pois isso poderia prejudicar as raízes e favorecer o surgimento de doenças.

Mudas de couve
Mudas de couve - imagem original: nociveglia - Licença Creative Commons

Plantio

O plantio pode ser feito através de sementes e algumas cultivares podem também ser propagadas por rebentos retirados de plantas adultas. Estes rebentos surgem de gemas axilares no caule principal, e devem ser retirados preferencialmente da base da planta, já com aproximadamente 20 cm de comprimento ou mais. Os rebentos laterais da couve enraízam facilmente em solo úmido.

As sementes podem ser semeadas diretamente na horta ou podem ser semeadas em sementeiras e outros recipientes, com as mudas sendo transplantadas quando têm de 4 a 6 folhas verdadeiras e estão com pelo menos 10 cm de altura. O transplante das mudas deve ser feito de preferência em dias nublados e chuvosos ou no fim da tarde, irrigando logo em seguida. Semeie as sementes a aproximadamente 1 cm de profundidade. A germinação ocorre normalmente dentro de uma semana ou duas.

O espaçamento ideal pode variar com a cultivar e as condições de cultivo, mas geralmente um espaçamento de 50 cm a 1 m entre as linhas de cultivo e de 25 a 50 cm entre as plantas é adequado. Dentro de certos limites, quanto maior o espaçamento, maiores serão as plantas e maiores serão suas folhas.

A couve também pode ser cultivada em vasos com um mínimo de 25 cm de diâmetro e altura.

Couve-ornamental ou repolho-ornamental
Há várias cultivares de couves-ornamentais, frequentemente chamadas de repolhos-ornamentais. Embora cultivados normalmente em jardins, estas cultivares também podem ser consumidas - imagem original: kimubert - Licença Creative Commons

Tratos culturais

Retire as ervas invasoras que estiverem concorrendo por recursos e nutrientes.

Por vezes, dependendo da cultivar, a planta pode ficar muito alta. Neste caso, pode-se cortar a extremidade do caule principal para favorecer o desenvolvimento dos brotos laterais e manter assim a planta em uma altura considerada confortável para o manuseio e a colheita. Por outro lado, excluir ou limitar o número dos brotos laterais pode estimular o crescimento das folhas no caule principal.

Couve-crespa ou couve-frisada
Couve crespa - imagem original: Dwight Sipler - Licença Creative Commons

Colheita

A colheita das folhas da couve inicia-se normalmente de 10 a 16 semanas após o plantio. Plantas mais jovens podem ter suas folhas colhidas, mas isso pode prejudicar o crescimento das plantas. Evite colher as folhas nas horas mais quentes do dia e deixe pelo menos as 5 folhas mais jovens no caule. Acredita-se que as folhas colhidas após a ocorrência de uma geada têm melhor sabor. Em condições adequadas, a couve pode produzir por alguns poucos anos sem necessidade de replantio.

Couve-roxa-crespa ou couve-roxa-frisada
Couve-crespa-roxa - imagem original: Jean Jones - Licença Creative Commons