Como plantar salsa

Salsa ou salsinha
Salsa ou salsinha - imagem original: Michele - Licença Creative Commons

A salsa ou salsinha é uma planta cultivada desde a antiguidade, e é atualmente a erva culinária mais utilizada no ocidente. Apesar de ser mais conhecida como uma erva de folhas, também há uma variedade que produz grossas raízes semelhantes a cenouras ou pastinacas, de cor branca e sabor forte, e que podem ser consumidas cruas ou cozidas. As variedades de folhas podem apresentar folhas lisas e folhas crespas.

As folhas da salsa contêm grande quantidade de ácido oxálico e assim não devem ser consumidas em grande quantidade. Mulheres grávidas também devem evitar um consumo excessivo de salsa, sendo que é considerado seguro o consumo nas quantidades normalmente utilizadas na culinária.

Petroselinum crispum var. crispum – salsa de folhas crespas

Petroselinum crispum var. neapolitanum – salsa de folhas lisas

Petroselinum crispum var. tuberosum – salsa de raiz

Clima

A salsa ou salsinha pode ser cultivada em uma variedade de climas, embora cresça melhor se cultivada em regiões de clima ameno, com temperaturas entre 10ºC e 22°C.

Luminosidade

A salsa pode ser cultivada em lugares ensolarados ou em sombra parcial com alta luminosidade. Em regiões de clima quente, cultive em locais frescos e bem iluminados, mas sem que fique exposta a luz solar direta nas horas mais quentes do dia.

Salsa de folhas crespas
Salsa de folhas crespas - imagem original: hardworkinghippy - Licença Creative Commons

Solo

Cultive a salsa de preferência em solo bem drenado, fértil, rico em matéria orgânica, com pH entre 5,8 e 7,2. Contudo, a salsa é uma planta rústica, que tolera bem várias condições de solo, crescendo mesmo em solos pouco férteis.

Irrigação

Irrigue de forma a manter o solo sempre úmido, sem que fique encharcado.

Mudas de salsa ou salsinha
Mudas de salsa ou salsinha - imagem original: Cristina Bejarano - Licença Creative Commons

Plantio

As sementes de salsa podem tomar um longo tempo para germinar, variando de 2 a 6 semanas. Deixar as sementes de molho em água morna por um dia pode apressar a germinação. Semeie as sementes no local definitivo na horta.

A salsa pode ser cultivada em vasos e jardineiras, porém vasos muito pequenos limitam muito o crescimento da planta e a duração de sua vida, que pode atingir até 80 cm de altura na floração e cuja raiz pode ultrapassar a 50 cm de profundidade. Portanto, para obter um bom desenvolvimento, os vasos e jardineiras utilizados devem ter pelo menos 30 cm de profundidade e diâmetro.

Salsa ou salsinha cultivada em uma jardineira
A salsa pode ser cultivada facilmente em vasos e jardineiras, mas o tamanho do recipiente pode limitar o desenvolvimento da planta e a duração de sua vida útil - imagem original: Garden Grrrl - Licença Creative Commons

Tratos culturais

Retire plantas invasoras que estejam competindo por recursos e nutrientes.

Salsa-de-raiz
Salsa de raiz. Esta variedade de salsa produz grandes raízes que podem ser consumidas cruas ou cozidas - imagem original: Yelkrokoyade - Licença Creative Commons

Colheita

A colheita das folhas da salsa pode começar de 60 a 90 dias depois do plantio, quando a planta tem aproximadamente 12 a 16 cm de altura. Colha as folhas mais externas inteiras, ou seja, com o pecíolo (o talo da folha), e procure não retirar mais do que um terço das folhas. A salsa ou salsinha é uma planta bienal.